Conecte-se

FacebookTwitterInstagram

15.10.2019 SAER.FRON 2

O Serviço Aeropolicial (SAER Fron) da Polícia Civil em Chapecó participa nesta terça-feira (15) da Operação Ágata. A ação é realizada com unidades do Exército e outras instituições.

15.10.2019 SAER.FRON 1

Segundo o comandante do SAER Fron, delegado Albert Silveira, a Operação realiza monitoramento e abordagens de veículos suspeitos em áreas de desvio das barreiras na ação. A mobilização está sendo realizada na região de fronteira, nas cidades de São Miguel do Oeste, Dionísio Cerqueira, São Lourenço do Oeste e outros municípios.

 

10.10.2019 Apoio a assalto em RS 2

O Serviço Aeropolicial (SAER Fron) da Polícia Civil em Chapecó prestou apoio à polícia do Rio Grande do Sul nas buscas aos assaltantes que atacaram uma agência do Banrisul em Três Arroios (RS), na manhã desta quinta-feira (10). A região fica na divisa do RS com SC, no Oeste catarinense.

Dos três assaltantes, um morreu em confronto com a Brigada Militar (BM). Os outros dois, conforme o comandante do SAER Fron, delegado Albert Silveira, possivelmente foram baleados na troca de tiros e podem estar escondidos em um matagal. O helicóptero continua as buscas.

10.10.2019 Apoio a assalto em RS 1

O assalto aconteceu por volta das 10h30min. Três homens armados anunciaram o roubo, atiraram e fizeram um cordão humano para fugir da agência bancária. A troca de tiros ocorreu em uma estrada na área rural de Três Arroios, na localidade conhecida como linha Napoleão, por volta das 11h. Segundo a BM, uma viatura com agentes passava pela região quando cruzou com o carro dos bandidos. Houve tiroteio e nenhum PM se feriu. Os suspeitos abandonaram o carro e fugiram a pé. No veículo, foram localizados quatro coletes à prova de balas, uma arma longa e dinheiro.

 

WhatsApp Image 2019 10 09 at 17.18.53

Trocar informações de forma mais rápida entre os setores de inteligência das forças de segurança do Brasil com a Argentina e criar um grupo permanente de comunicação entre elas. Estes foram os principais pontos abordados em uma reunião promovida pela Diretoria de Polícia da Fronteira (Difron) da Polícia Civil de Santa Catarina, nesta quarta-feira (09), na Delegacia Regional de Chapecó.

Participaram integrantes da Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Militar Rodoviária, Polícia Federal, GAECOs e policiais da Argentina. "O objetivo principal é formar uma rede de membros de todas as forças de segurança, tanto Estadual quanto Federal e do Brasil e Argentina para que se consiga trocar informações mais rapidamente. Também faremos novas reuniões entre os participantes”, afirmou o diretor da Fronteira, delegado Carlos Augusto de Andrade Morbini. O próximo encontro está marcado para o dia 27 de novembro, em São Miguel do Oeste.

“Teremos canais de acesso mais rápidos e eficientes no que tange a inteligência. Quase todos os policiais conhecem um ou outro e com essa mobilização essa rede se amplia e se estreita”, ressalta o delegado regional de Chapecó, Ricardo Casagrande. O prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, também participou e proferiu palestra sobre a rota do milho – Buligon é presidente do Bloco Regional de Intendentes, Prefeitos, Alcaldes e Empresários do Mercosul (Bripaem).

WhatsApp Image 2019 10 09 at 17.18.52

07.10.2019 Chapecó Estatísticas

A 12ª Delegacia Regional de Polícia e de Fronteira de Chapecó divulgou resultados apresentados pelas delegacias subordinadas à 12ª DRP-FRON, em setembro. A estatística é focada nos itens de resolução de casos investigados, prisões efetivadas e às demais ações operacionais que resultaram em apreensões de ilícitos e recuperação de bens subtraídos.

Foram 48 prisões efetuadas pelas delegacias especializadas e pelas delegacias de Comarca de Chapecó, Pinhalzinho, Palmitos, Coronel Freitas, Modelo, São Carlos, e das delegacias de Município, de Caibi, Jardinópolis, Saudades, Planalto Alegre, e Águas de Chapecó. Das 48 prisões, foram 46 adultos e dois adolescentes apreendidos.

 Das 43 ações operacionais realizadas, destacam-se aquelas em repressão a homicídios, a roubos e furtos, ao tráfico de drogas, a estupros e à violência doméstica. “Estes resultados evidenciam que os crimes considerados de maior gravidade para a sociedade tiveram resposta exemplar de todas as Delegacias de Polícia da 12ª DRP-FRON, fruto da dedicação e comprometimento das equipes de policiais civis, que trabalham incansavelmente em prol de uma sociedade catarinense cada vez mais segura”, afirmou o delegado regional de Chapecó, Ricardo Newton Casagrande.

Logo Fundo preto

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Pinhalzinho, e com apoio da Delegacia de Saudades, cumpriu na noite de segunda-feira (30) um mandado de prisão preventiva contra um homem de 35 anos suspeito de tentar matar o próprio pai. O crime ocorreu na madrugada de 21 de setembro.

Segundo as investigações, naquela madrugada, o suspeito, que havia ingerido bebida alcoólica, estava chegando em casa, quando teve um desentendimento com o pai, de 64 anos, e o atingiu com um facão. A vítima foi socorrida e sobreviveu. O agressor fugiu do local.

O Judiciário, após manifestação favorável do Ministério Público, deferiu a representação da Polícia Civil pela prisão preventiva do homem, que foi cumprida pelos policiais civis. O preso foi encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Maravilha. O inquérito sobre a tentativa de homicídio será concluído nos próximos dias.