Conecte-se

FacebookTwitterInstagram

WhatsApp Image 2019 09 10 at 16.17.48

O Delegado Geral Paulo Koerich e a Delegada Adjunta Ester Fernanda Coelho realizaram nesta terça-feira (10) uma reunião com o professor da Universidade Federal de SC, Deonísio Schmit, primeiro surdo doutor em linguística do Brasil e a vereadora de São José, Cristina de Sousa. Eles trataram da implementação de cursos de formação continuada em Língua Brasileira de Sinais aos policiais civis de SC. O projeto é pioneiro no país e objetiva-se a expansão a todos os Estados.

A ação surge da necessidade de formação aos membros da instituição policial para que possam melhor atender à população de surdos. Segundo o professor Schmit, chefe do Departamento de Letras Libras da UFSC e coordenador dos projetos de capacitação, a Polícia Civil não possui um glossário próprio. Segundo os participantes, muitos surdos acabam ficando reclusos por falta da comunicação adequada.

A ideia é que a primeira atividade seja realizada ainda com os 34 delegados em formação na Acadepol. O curso, com cerca de 60 horas, tem enfoque na capacitação efetiva, centrando-se nas necessidades diárias do policial civil. A partir da primeira experiência, uma capacitação mais continuada deverá ser implementada na Acadepol para que passe a englobar todos os novos agentes.

Durante a reunião, foram discutidas também estratégias para a capacitação dos policiais que já atuam diariamente na instituição. O projeto objetiva a formação por meio de videoaulas ou de cursos ofertados nos municípios mais centrais do Estado. "Esta é uma obra a ser construída. Estamos no zero, mas abre-se um mundo novo de possibilidades que vamos explorar juntos", afirmou o Delegado Geral Paulo Koerich.  Também participaram do encontro a delegada Isabel de Oliveira da Luz Fontes, da Diretoria de Polícia da Grande Florianópolis, o delegado Gustavo Madeira, gerente de Planejamento da PC, e a intérprete Rita de Cássia Borges Cabral, que mediou a reunião.

WhatsApp Image 2019 09 10 at 16.05.33

Acima, os participantes da reunião realizam os símbolos em Libras referentes à "Polícia Civil".