Conecte-se

FacebookTwitterInstagram

Para Matérias sem foto

A Polícia Civil, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal (DIC), prendeu nesta quinta-feira (14) um homem de 29 anos suspeito de tráfico de drogas no bairro Oficinas, em Tubarão. 

Ele já possuía antecedentes por atos de violência praticados em 2013. Em sua residência foram encontradas porções de maconha e cocaína, além de seis cartas manuscritas de uma organização criminosa que atua dentro e fora dos presídios. O homem foi encaminhado ao Presídio Regional de Tubarão.

Logo Fundo preto

A Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), com apoio da Delegacia de Delitos de Trânsito e Divisão de Crimes Ambientais e da Central de Plantão Policial, cumpriu na sexta-feira (25) um mandado de prisão preventiva contra um homem de 33 anos suspeito de descumprir medida protetiva de urgência.

O homem estaria enviando mensagens com ameaças à ex-mulher e familiares. O mandado de prisão foi expedido pela Vara da Família, Infância e Juventude da Comarca de Tubarão. O suspeito foi localizado e os agentes foram até a sua residência, onde foi preso. Após os procedimentos, ele foi encaminhado ao Presídio Regional Masculino de Tubarão.

1 1

A Delegacia de Polícia de Treze de Maio, no Sul do Estado, recebeu na quarta-feira (22) uma visita dos alunos do 1º ano do Ensino Fundamental do Centro de Educação Municipal Profª Nair Formentin Silva - CEM. 

As crianças receberam informações sobre as atribuições da Polícia civil e as carreiras policiais de delegado de polícia, agente de polícia, escrivão de polícia e psicólogo policial. Participaram da visita 40 alunos, que receberam certificados e distintivos de "delegados e delegadas mirins" e se comprometeram em por em prática os ensinamentos.

WhatsApp Image 2019 10 18 at 17.33.52

A Polícia Civil cumpriu dois mandados de prisão por violência doméstica em Tubarão, Sul do Estado. Os presos têm 47 anos e 36 anos. A ação é da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) e do Setor de Capturas da Delegacia de Delitos de Trânsito e Divisão de Crimes Ambientais. As prisões foram nesta sexta-feira (18) e na quinta-feira (17).

Um dos homens foi condenado por ameaça com o agravante de ter sido duas vezes e por violência contra mulher. Ele cumprirá regime semiaberto. O outro foi preso por contravenção penal de vias de fato com agravantes por ser reincidente e por violência doméstica – ele também cumprirá regime semiaberto.

Logo Fundo preto

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Delitos de Trânsito e Divisão de Crimes Ambientais, em ação conjunta com a Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), cumpriu nesta quarta-feira (16) um mandado de prisão contra um homem de 62 anos acusado de crime de violação sexual mediante fraude. A ordem de prisão foi expedida pela Comarca de Tubarão.

O suspeito possui condenação anterior em Goiás pelo mesmo crime, e outra em São Paulo. O Ministério Público ressaltou a desobediência a ordens judiciais. Ele residia em Tubarão e vinha sendo monitorado. O acusado estava em liberdade condicional e foi condenado a três anos de reclusão pela Comarca de Tubarão. 

O homem se apresentava como professor de música e costumava frequentar escolas e salões paroquiais. Ele se aproveitaria desta situação para se aproximar de crianças e adolescentes e cometer os crimes. Suas condenações anteriores chegam a 30 anos de prisão. O homem foi encaminhado ao Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição da Justiça.