Conecte-se

FacebookTwitterInstagram

15.10.2019 Moção de Aplauso em Ascurra

A Delegacia de Polícia da Comarca de Ascurra, no Vale, recebeu uma Moção de Aplausos, no plenário da Câmara Municipal, em virtude dos relevantes e importantes trabalhos prestados à comunidade. A sessão aconteceu na noite de segunda-feira (14). A iniciativa partiu de todos os vereadores, que prestaram as respectivas homenagens à Polícia Civil em nome da população.

A Polícia Civil foi representada pelo agente Albano Finger Neto, pois o Delegado da Comarca, Ronnie Reis Esteves está de férias. Em nome da instituição, o policial civil agradeceu a homenagem e destacou que é “através deste ato que vemos o reconhecimento do serviço prestado pela Polícia Civil na Comarca de Ascurra”.

O agente Albano Finger Neto também fez questão de citar os nomes dos policiais Ronnie Reis Esteves, Marcos, Brisa, Greicy, Simone e Anderson, que exercem a função de polícia judiciária, cuja atividade fim consiste na investigação e elucidação de crimes, ressaltou.

WhatsApp Image 2019 10 15 at 10.33.32

A Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) realiza a Operação Marine na manhã desta terça-feira (15) para apurar a receptação de motores marítimos levados em Tijucas, cuja carga está avaliada em R$ 1 milhão.

Foram cumpridos desde às 6h sete mandados de busca e apreensão em Itajaí, Penha, Camboriú, Barra Velha e em Curitiba (PR). Os policiais também cumpriram um mandado de prisão em Penha. Uma outra pessoa que teve prisão decretada não foi encontrada e está foragida, também em Penha.

“Fizemos uma prisão e coletamos material para possíveis provas a serem analisadas. Em outra casa apreendemos uma espingarda, mas o dono não estava no local”, afirma o delegado da Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas da DEIC, Osnei Valdir de Oliveira. A carga de motores foi levada no dia 8 de março. Desde então, a polícia recuperou quase metade dos produtos. A operação desta terça-feira contou com a participação da CORE (Coordenadoria de Recursos Especiais) da Polícia Civil catarinense e o apoio da Polícia Civil do Paraná.

WhatsApp Image 2019 10 15 at 10.56.20

WhatsApp Image 2019 10 14 at 17.52.45

A Polícia Civil de Joinville, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC), realizou nesta segunda-feira (14) a apreensão de três adolescentes, sendo que dois deles são responsáveis por um latrocínio (roubo seguido de morte). O crime ocorreu no dia 07 de agosto deste ano, às 15h, na Avenida Paulo Schroeder, no bairro Petrópolis, em Joinville.

Segundo o delegado Murilo Batalha, da DIC, após investigação realizada pela DIC, descobriu-se que o ato infracional teria sido praticado por integrantes de uma organização criminosa atuante na cidade e os suspeitos tentaram degolar a vítima. Nesta segunda-feira, a DIC cumpriu os mandados de busca e apreensão domiciliar e também de internação provisória contra os adolescentes apontados como autores.

 Durante as buscas, foram apreendidas duas armas de fogo com numeração suprimida. Os adolescentes confessaram o latrocínio e informaram que após matarem a vítima subtraíram os pertences pessoais dela.

Logo Fundo preto

A Divisão de Repressão a Roubos da Polícia Civil de Criciúma finalizou as investigações que resultaram em resultados positivos no combate aos roubos da região.

Segundo o delegado Yuri Miqueluzzi, um homem de 48 anos foi identificado e teve sua prisão preventiva cumprida por roubo em uma barbearia, no Centro. Armado com um revólver, o autor rendeu os proprietários e subtraiu valores e aparelhos celulares. Estava com o rosto parcialmente coberto com uma meia.

Outro homem envolvido em roubo de motocicleta no bairro Argentina também foi identificado. O investigado de 19 anos irá responder por roubo com uso de arma de fogo. A vítima foi um entregador de lanches, que recebeu um pedido de entrega para ser atraído para a emboscada. O veículo foi recuperado e restituído ao proprietário.

Um terceiro investigado, de 30 anos, foi indiciado por receptação de produto de roubo. Ele adquiriu e vendeu objeto subtraído em grave roubo em residência ocorrido na região da Próspera. O objeto foi restituído à vítima. A aquisição ou ocultação de produto de crime configura infração penal, punido com até quatro anos de reclusão.

WhatsApp Image 2019 10 14 at 17.32.01

Seis adultos presos e um adolescente apreendido. Este foi o saldo da Operação Rota do Sul, realizada pela Polícia Civil em Laguna, na sexta-feira (11). A ação cumpriu três mandados de busca e apreensão, um mandado de prisão temporária e fez autuações em flagrante por posse de arma de fogo e receptação. A investigação foi em razão de um roubo em 17 de setembro, em uma casa no Bairro Cabeçuda, em Laguna.

O adolescente foi apreendido por ato infracional análogo ao crime de desobediência. A operação contou com o apoio da DIC e DPCAMI de Laguna, DPMU de Pescaria Brava e Polícia Militar de Laguna. No roubo em setembro, os criminosos amarraram as vítimas e utilizaram uma arma de fogo para ameaçá-las, levaram um carro, além de diversos objetos, como celulares, televisor e notebook.

A investigação apurou que a organização criminosa estabeleceu residência na Praia do Sol com o intuito de ali se esconder e continuar na prática de assaltos e outros crimes. Os procedimentos policiais quanto ao crime de roubo ainda prosseguirão a fim de apurar o envolvimento de outros suspeitos.

WhatsApp Image 2019 10 14 at 17.32.00