Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

WhatsApp Image 2021 05 26 at 11.38.58

Uma operação conjunta da Polícia Civil de Santa Catarina e da Polícia Civil do Paraná resultou na prisão dos suspeitos de serem os autores de um homicídio em Porto Belo, litoral norte catarinense. Eles foram presos em cumprimento a mandados de prisão preventiva. Os homens têm 20 anos e 40 anos.

O crime aconteceu no dia 16 de abril. Os suspeitos perseguiram o carro da vítima desde a sua residência por diversas ruas de Porto Belo, disparando tiros no pátio de um posto de combustíveis em meio a diversos populares que ali se encontravam.

No mesmo dia do crime, após investigações e representação pela expedição de mandado de busca e apreensão na residência da vítima, foi apreendido em poder de um familiar da vítima uma pistola .380 municiada, duas máquinas de contar dinheiro, bolsas e mala com reais e dólares, totalizando a quantia de R$ 4.130.000,00.

Durante as investigações, a Polícia Civil concluiu que a vítima estava envolvida com o tráfico de drogas e que um dos autores do homicídio, de 20 anos, trabalhava para ela, sendo que em dezembro de 2020 planejou e executou um roubo, levando mais de um milhão de reais da vítima, ocasião em que um dos assaltantes, de 40 anos, também participou do crime.

Um dos suspeitos foi preso escondido em uma casa na cidade de Maringá (PR), e na madrugada desta quarta-feira (26) o segundo envolvido foi localizado e preso em São José dos Pinhais (PR). Nas buscas feitas na casa foram apreendidos uma pistola calibre .380, com dois carregadores, um revólver calibre .38, diversas munições e duas placas de colete balístico. Com a conclusão do inquérito, os suspeitos serão interrogados e a pistola apreendida encaminhada à perícia.

A ação policial teve a participação de policiais da DIC – Divisão de Investigações Criminais de Balneário Camboriú e policiais das Delegacias de Polícia de Itapema, Porto Belo e Bombinhas e no Paraná apoio da equipe do TIGRE – Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial da Polícia Civil do Paraná e Polícia Rodoviária Federal de São José dos Pinhais.

WhatsApp Image 2021 05 26 at 11.38.47

brasaoo

Policiais civis da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI/PCSC) de Balneário Camboriú cumpriram um mandado de prisão contra um homem condenado pelo crime de estupro de vulnerável.

A prisão ocorreu em Balneário Camboriú, na quinta-feira (20). O crime foi cometido na Comarca de Lebon Régis e a sentença proferida pelo Judiciário foi de 16 anos de prisão.

banner pc

Na quarta-feira (19), a Polícia Civil identificou o motorista suspeito de atropelar e causar a morte de um motociclista de 60 anos no dia 07 de maio deste ano, no viaduto da BR-101, em Tijucas. Foi através da Delegacia de Polícia de Tijucas.

Conforme foi possível visualizar em imagens de videomonitoramento no local dos fatos, um HB20 branco furou o sinal vermelho na contramão e atingiu a vítima, a qual acabou morrendo no dia seguinte.

O motorista do HB20, ao ser localizado pelos policiais civis, acabou confirmando que estava na direção do veículo na data dos fatos e que fugiu do local, pois temia ser agredido pela população, em razão de ter furado o sinal vermelho.

O veículo, segundo o próprio investigado, estaria escondido no município de Joinville e policiais civis de Tijucas buscam realizar a apreensão do mesmo.

Logo Fundo preto

Psicólogos policiais da Polícia Civil estão em Itapema, litoral Norte de Santa Catarina, para atuar em atendimentos e suporte às crianças e familiares delas que relataram denúncias de abusos sexuais em uma recreação infantil. Os psicólogos foram enviados pela Delegacia Geral e prestarão os serviços pelos próximos dias.

O caso é investigado pela Delegacia de Polícia da Comarca de Itapema, que instaurou inquérito policial e tomou as medidas legais pertinentes. Foram colhidos depoimentos de 17 supostas vítimas relacionadas às denúncias registradas em Boletins de Ocorrência.

O suspeito, que seria o proprietário do estabelecimento, teve a prisão preventiva decretada pelo Judiciário na investigação e está foragido desde segunda-feira (17). O local onde funcionava o espaço foi interditado. A Polícia Civil segue com as investigações e as buscas continuam.

 WhatsApp Image 2021 05 19 at 11.15.33

A Delegacia da Polícia Civil de Tijucas, no Vale do Rio Tijucas, recebeu uma nova viatura na manhã desta quarta-feira (19) entregue pela Delegacia Geral. O veículo Hyundai Creta caracterizado reforçará a estrutura da unidade policial e era reivindicação local.

O Delegado Geral Paulo Koerich destacou a importância da viatura para melhorar as condições de trabalho dos policiais civis e a prestação dos serviços à população.

Segundo o Delegado de Polícia titular da Comarca, Aderlan Angelo Camargo, o novo veículo suprirá a necessidade da Delegacia de Polícia e dará nova produtividade aos trabalhos prestados pela Polícia Civil em Tijucas e região.

Participaram ainda o Diretor de Polícia do Litoral, Luiz Ângelo Moreira, o Delegado Regional de Polícia de Balneário Camboriú, Giancarlo Rossini, o Delegado de Polícia Paulo Freyesleben, o deputado estadual Maurício Eskudlark, o vereador Cláudio Eduardo de Souza e policiais civis locais.

Armamento

Ainda nesta quarta-feira, a Delegacia Geral da Polícia Civil concretizou a entrega de duas armas, que são espingardas calibre 12, para a DP de Tijucas e a Delegacia de Polícia de Canelinha.

viaturatijucas

viaturatijucas1

WhatsApp Image 2021 05 19 at 12.02.27