Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

Apreenso_de_4kg_em_14-05-2011_1pCanoinhas – A Polícia Civil de Canoinhas, através de seu Núcleo de Inteligência, em ação conjunta com a Polícia Militar, deflagrou a Operação “Craque Argentino” com objetivo de eliminar uma rede de tráfico de drogas atuante na região do Planalto Norte de SC e Sul do Paraná. A Operação resultou na tarde deste sábado (14), na prisão de mais três pessoas e apreensão  de 5 kg de “maconha”. 

 

O trabalho de monitoramento da rede de tráfico vinha sendo realizado pelo Núcleo de Inteligência da Polícia Civil de Canoinhas há  seis meses. De acordo com as investigações a rede atuava no “atacado”, no Planalto Norte de SC e Sul do Paraná.

 

No dia 23 de abril do corrente ano, foi preso Jefferson Honorato Marques, oriundo da cidade Mafra, logo após adquirir, cerca de 1 kg de “maconha”, de Haroldo de Jesus de Lima, vulgo “Maradona” conhecido traficante Canoinhense. 

 

Em depoimento prestado a Autoridade Policial Marques relatou de quem teria  adquirido a droga, apontando a residência onde ocorreu a negociação, bem como afirmou não ter sido a primeira vez que tinha se deslocado até Canoinhas, para comprar entorpecentes desta mesma pessoa, para revender  a usuários na cidade de Mafra/SC. Fato este já observado em monitoramento pelos Policiais. 

 

Apreenso_de_1.5_Kg_e_9milR_em_23-04-2011pOs Policiais Civis realizaram buscas na residência de Jefferson na cidade de Mafra, acompanhados da companheira deste,  onde foi apreendido mais 0,5 kg de “maconha” aproximadamente e R$ 9.000,00 (nove mil reais)  em espécie, produto da transação comercial dos entorpecentes. 

 

As investigações prosseguiram em sigilo e neste sábado (14), os demais membros do “esquema” foram presos em uma Operação conjunta entre as Polícias Civil e Militar, João José Benedito de Paula e Alex Sandro Castilho Reia. 

 

João José Benedito de Paula, veio da cidade de São Bento do Sul para Canoinhas, e adquiriu de Alex Sandro Castilho Reia, “aviãozinho” de Haroldo de Jesus Lima,  cerca de 1,5 kg de “maconha”. 

 

Jefferson_-_Alex_-_JoopTodo o evento foi monitorado pelos Policiais do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil de Canoinhas que permaneceram em “campana”, sendo que, quando retornava à São Bento do Sul, na Avenida Expedicionários, bairro Campo D ‘Água ainda em Canoinhas, após breve perseguição, o veículo conduzido por João Benedito de Paula foi abordado, por viaturas da Polícia Civil e da Polícia Militar, e em revista ao veículo foi encontrado o entorpecente produto da negociação.

 

Em seqüência, foi desencadeada, uma nova Operação, das Polícias,  para cumprimento a cinco Mandados de Busca e Apreensão, expedidos pelo Judiciário desta Comarca, sendo que na casa de Alex Sandro Castilho Reia, foi encontrado mais cerca de  2,5 kg de entorpecente . 

 

O objetivo da operação “Craque Argentino”, era exatamente subsidiar provas, contra Haroldo de Jesus de Lima, vulgo “Maradona”, que não estava na cidade e que terá representado em seu desfavor Mandado de Prisão Preventiva nas próximas horas.                      

 

Com a identificação dos membros e o desmantelamento da quadrilha, que tem ligações com traficantes da cidade de União da Vitória/PR,  a Polícia Civil, espera  ter dado um grande passo, para amenizar o tráfico de drogas na região.                        

 

"Colabore com a Polícia, Denuncie, Disque 181."