Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

WhatsApp Image 2020 10 01 at 10.53.35

A Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Seara, no Oeste, com o apoio das unidades de Concórdia e do Canil de Xanxerê, realizou nesta quinta-feira (01) o cumprimento de dois mandados de busca e apreensão em Concórdia. A ação é decorrente de investigação relacionada ao tráfico de drogas. Foram apreendidos celulares.

Também nesta quinta-feira, a Polícia Civil de Seara, com o apoio de policiais civis de Itá e do Canil da Polícia Civil de Chapecó, cumpriu um mandado de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão em Seara, na investigação relacionada ao tráfico de drogas.

Foram apreendidos cerca de 60 gramas de maconha e 11 gramas de cocaína fracionadas para a venda, assim como um saco de pinos plásticos utilizados para o fracionamento de drogas. Foram apreendidos, ainda, quatro celulares e dinheiro. Duas pessoas foram conduzidas à Delegacia de Polícia e autuadas por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

 golpenova

Uma ação conjunta envolvendo a Polícia Civil, a Polícia Militar Rodoviária e a PM resultou na prisão de um suspeito de diversos golpes em Concórdia, na quinta-feira (24).

Houve investigação sobre o homem, que se dirigia a várias residências e após contato com as supostas vítimas retornava ao hotel em que estava hospedado. Estes deslocamentos incluíram algumas passagens por estabelecimentos bancários e caixas eletrônicos. Durante as diligências, as equipes policiais foram informadas a respeito de uma vítima que havia sido lesada em cerca de R$ 20 mil.

Ao ser abordado, no hotel, foram localizados vários objetos empregados nos golpes como cartões de várias instituições bancárias (em nome das vítimas), máquinas de cartão, dinheiro, comprovantes de transações bancárias, documentos pessoais e uma CNH falsa. O suspeito admitiu ter realizado golpe a pelo menos uma pessoa em Concórdia e a outras na região. Ele indicou que os cartões das vitimas estavam no hotel. O homem foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia de Concórdia.

WhatsApp Image 2020 06 04 at 11.08.45

A Polícia Civil, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/Fron) de Concórdia, concluiu as investigações e encaminhou ao Judiciário o inquérito policial instaurado no âmbito da Operação Maratá. A ação apurou os crimes de organização criminosa armada, tráfico de drogas, associação ao tráfico e posse ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Seis pessoas foram indiciadas. Uma delas continua foragida e ainda responde a uma ação penal por ser mandante de um crime de homicídio ocorrido em 2018, em Concórdia. Os outros cinco estão presos.

A Operação Maratá resultou na apreensão de cerca de 273 kg de maconha e de 800 gramas de cocaína, além de armas de fogo e munições. As investigações confirmaram diversas negociações envolvendo a compra e venda de drogas, tanto entre traficante e usuário quanto entre traficantes.

WhatsApp Image 2020 09 17 at 16.35.50

Uma ação conjunta entre a Polícia Civil, a Polícia Militar e a Polícia Militar Rodoviária recuperou objetos roubados e identificou o veículo utilizado no crime ocorrido em Irani. Foi na quarta-feira (16), em Concórdia.

Os policiais abordaram o veículo e questionaram o condutor sobre os fatos, ocasião em que ele entrou em contradição. Durante a busca veicular, foram encontrados objetos que haviam sido subtraídos durante o roubo, bem como a máscara utilizada no crime.

De posse de novas informações, houve trabalho contínuo objetivando localizar os demais envolvidos. No final da tarde de quarta-feira, chegou-se a identidade dos outros dois envolvidos, os quais residiam em um apartamento na área central. Os investigados foram abordados nas proximidades do prédio e quando questionados sobre a participação no roubo, acabaram admitindo a participação e indicaram que todo o material subtraído estaria no interior do apartamento. O material recuperado foi encaminhado para a Central de Polícia Civil.

lindoia

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia Municipal de Lindóia do Sul, no Meio-Oeste, concluiu o inquérito policial que apurou uma tentativa de homicídio ocorrida no dia 29 de agosto.

Na ocasião, dois homens tiveram uma briga por motivo fútil e um deles foi esfaqueado. A vítima foi atingida com três facadas e precisou ser atendida no hospital de Lindóia do Sul e depois transferida para a unidade hospitalar de Concórdia, com ferimentos na região lateral do tronco.

O autor dos golpes simulou que gostaria de fazer as pazes com a vítima e aproveitou para desferir três facadas. O autor teve mandado de prisão preventiva expedida pela Justiça e foi transferido ao Presídio Regional de Concórdia. Ele foi indiciado pelo crime de tentativa de homicídio qualificado e segue preso à disposição do Judiciário. A vítima já teve alta hospitalar.