Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

 logoviatura

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) e da Delegacia de Polícia da Comarca de Ituporanga, cumpriu na manhã desta sexta-feira (18) dois mandados de prisão expedidos pela Justiça. As ordens judiciais são em decorrência de sentença transitada em julgado de processo resultante de investigação realizada pela Polícia Civil de Ituporanga, em 2013.

À época, a Polícia Civil instaurou um inquérito policial para a apuração de eventual prática ilegal de jogos de azar e dos crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito, venda ilegal de armas e munições.

Após quase um ano de investigações, a Polícia Civil cumpriu nove mandados de busca e apreensão, quando foram apreendidas sete armas de fogo e mais de cinco mil cartuchos de munições de diversos calibres, quatro motocicletas utilizadas para o funcionamento dos jogos de azar, além de material referente a sua prática e R$ 3.722,00 (três mil, setecentos e vinte e dois reais).

A Operação "Invictus" da Polícia Civil em Ituporanga resultou em prisão e em drogas apreendidas. A ação é da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Ituporanga; da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) e da Delegacia de Polícia da Comarca. Foram cumpridos, na sexta-feira (04), três mandados de busca e apreensão. Um homem de 25 anos foi preso em flagrante. Os policiais encontraram maconha enterrada nos fundos de uma residência (2,2 kg), cocaína e dinheiro.

 WhatsApp Image 2020 06 01 at 16.55.38

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC), esclareceu um homicídio ocorrido na noite do dia 31 de agosto, no bairro Bela Vista, em Ituporanga.

O crime teria sido motivado após uma discussão por ovos fritos. Na ocasião, o suspeito desferiu nove golpes de faca, tendo a vítima morrido no local.  A Polícia Civil descobriu, ainda, que o suspeito, enquanto menor, foi autor de outro homicídio, também com o uso de faca, no Estado de Pernambuco, tendo por vítima uma mulher de 41 anos.

Na manhã de terça-feira (01), novas diligências foram feitas, com o apoio da Diretoria de Inteligência. Uma vez identificado o suspeito e a partir de depoimentos, por volta das 18 horas de terça-feira, a autoridade policial representou pela prisão preventiva do suspeito, deferida pelo Judiciário. Na manhã desta quarta-feira (02), o suspeito se apresentou na Delegacia, oportunidade em que foi interrogado e apontou o local onde abandonou o instrumento utilizado no crime. A arma foi apreendida e encaminhada à perícia. Após os procedimentos, o suspeito foi encaminhado ao Presídio Regional de Rio do Sul, onde permanecerá à disposição da Justiça.

ITURRANGAA

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) e da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Ituporanga, prendeu um homem de 43 anos suspeito de estuprar uma mulher de 62 anos. O crime aconteceu na manhã de domingo (17), por volta das 6 horas, no centro de Ituporanga. As investigações foram concluídas 36 horas após a violência sexual.

Com base em informações fornecidas pela vítima, a delegada Elisabete da Cruz Pardo Figueiredo, da DPCAMI e que responde interinamente pela DIC, representou pela expedição do mandado de busca e apreensão na residência do suspeito. A diligência resultou na apreensão das peças de roupas utilizadas pelo suspeito no momento do crime, assim como a faca que ele portava usada para ameaçar a vítima, conforme descrito por ela e observado nas imagens gravadas pelo sistema de monitoramento Bem-Te-Vi.

A vítima, então, compareceu novamente à unidade policial e reconheceu o suspeito como o autor da violência sexual, reconhecendo ainda sua voz e forma de andar. Com base nesta informação foi requerido e aceito o pedido de prisão temporária do suspeito pela Justiça. No depoimento o homem confessou o crime. Ele foi transferido para a Unidade Prisional Avançada de Ituporanga, onde permanecerá à disposição da Justiça.

WhatsApp Image 2020 02 27 at 11.55.23

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) cumpriu nesta quinta-feira (26) quatro mandados de prisões temporárias e seis mandados de busca e apreensão, em Ituporanga, em apuração de tráfico de drogas. Houve apoio das delegacias de polícia que compõem as delegacias regionais de Ituporanga e Rio do Sul. Cerca de 40 policiais civis participaram da operação.

A ação contou também com o canil K9. Conforme a delegada Elisabete da Cruz Pardo Figueiredo, as diligências foram em endereços nos bairros Nossa Senhora de Fátima e Vila Nova. Os mandados de prisão têm prazo de 30 dias, podendo ser prorrogados. Após os procedimentos, os presos serão encaminhados ao Presídio de Rio do Sul.

Foram apreendidos celulares; cartas com supostas conversas de troca de mensagens e anotações que remetem a uma facção criminosa; correntes e anéis de origem suspeita e maconha. O material apreendido será remetido à perícia.

WhatsApp Image 2020 02 27 at 11.55.22

WhatsApp Image 2020 02 27 at 11.55.22 1