Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

Logo Fundo preto

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Santo Amaro da Imperatriz, cumpriu na quarta-feira (19) um mandado de prisão preventiva expedido em desfavor de um homem, de 23 anos, que pagou fiança durante audiência de custódia com notas falsas.

Segundo o delegado Rodrigo Mayer, o homem havia sido preso em flagrante justamente por ter efetuado a compra de alguns produtos com notas falsas no interior de um parque aquático, na cidade. Diante disso, foi encaminhado para audiência de custódia, ocasião em que pagou o valor de fiança arbitrado pelo Judiciário.
Depois, o chefe de cartório ao depositar os valores em conta judicial foi alertado pela atendente da lotérica que as notas eram falsas. Com isso, foi decretada a prisão preventiva do investigado. O Setor de Investigação Criminal (SIC) realizou diligências e conseguiu localizar e prender o homem, que ficará à disposição do Judiciário.