Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

Viatura sirene noite

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Polícia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI/PCSC) de São José, cumpriu na tarde de segunda-feira (29) um mandado de prisão de sentença condenatória contra um homem de 39 anos pela prática do crime de produção de material de pornografia infantojuvenil.

O homem já era alvo de investigação que tramitou na DPCAMI/PCSC. À época dos fatos, foi apurado que o homem, que era padrasto da vítima, efetuava filmagens íntimas não consentidas da adolescente. Concluída a formalização dos procedimentos, o preso foi encaminhado ao Presídio da Capital, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

WhatsApp Image 2021 11 30 at 09.41.06

Na manhã desta terça-feira (30), o delegado-geral da Polícia Civil de Santa Catarina, Marcos Flávio Ghizoni Júnior, participou, juntamente com o chefe da Casa Civil do Estado, Eron Giordani, do ato da entrega pelo Poder Executivo do projeto de lei que trata do novo Plano de Progressão e Valorização das Carreiras da Polícia Civil à Assembleia Legislativa (Alesc). 

O documento foi recebido pelo presidente da Alesc, Mauro de Nadal, e é destinado a organizar os cargos de provimento efetivo e a evolução funcional do policial civil com os objetivos de valorizar os profissionais, incentivar a qualificação, democratizar as oportunidades de crescimento e promover a valorização do sistema do mérito, além de racionalizar e melhorar a qualidade dos serviços prestados.

O projeto de lei traz como principais pontos, na prática, alterações modernas e administrativas de gestão em torno da progressão das carreiras da Polícia Civil e que dão condições, por exemplo, de uma reestruturação que propiciará a recomposição do efetivo por parte das promoções dos agentes de autoridade policial e dos delegados de polícia.

De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, o novo plano de carreira será implementado ao longo dos anos e em que se pretende basicamente trazer o reconhecimento dos policiais civis, que com o passar dos anos galgam novas condições de classe dentro da estrutura da Polícia Civil, dentro dos princípios de razoabilidade e proporcionalidade.

“Trata-se de uma reformulação histórica na administração e gestão da Polícia Civil. Um dos principais pontos aborda a recomposição do efetivo da Instituição, que se dará pelo todo e não mais pelo quadro de acesso, que seria o nível 1 das carreiras de agente de autoridade policial”, destaca o delegado-geral. Estão abrangidos Agentes de Polícia, Escrivães de Polícia, Psicólogos Policiais e Delegados de Polícia.


Entidades acompanham ato na Alesc

A entrega do projeto de lei também contou com a presença de representantes da Adepol (Associação dos Delegados de Polícia de SC) e do Sindicato dos Policiais Civis de SC (Sinpol), além de deputados e diretores da Polícia Civil.

Para a presidente da Adepol, delegada de polícia Vivian Garcia Selig, o novo plano de carreira possibilitará o crescimento profissional e valoriza o policial civil, o que reflete na segurança pública ao cidadão.

“O plano faz a retomada de uma valorização e de uma dignidade aos policiais civis como um todo, principalmente aqueles que estão no final da carreira. E isso é importante para que o quadro se renove, trazendo uma modernidade nos quadros da Polícia Civil com a valorização daqueles que estão atuando no dia a dia”, frisou a presidente da Adepol.

O presidente do Sinpol, Elmar Schmitt Osório, parabenizou pela iniciativa e também ressaltou a valorização do policial civil:

“Entendemos que o projeto é de muita importância, que vem valorizar sobremaneira o policial civil enquanto na atividade e facilita muito para a administração durante o exercício da atividade”, assinalou o presidente do Sinpol.

WhatsApp Image 2021 11 30 at 09.48.48

WhatsApp Image 2021 11 30 at 09.53.22

banner1

Nesta segunda-feira (29), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Ascurra, prendeu preventivamente, em Ibirama, um homem suspeito de ter cometido homicídio qualificado, previsto no Art. 121, § 2º, incisos II, III e IV, do Código Penal.

O crime ocorreu em março do ano passado na cidade de Apiúna. A vítima teria desaparecido após ter saído para pescar com alguns amigos. O corpo da vítima foi localizado no interior do Rio Itajaí-açu pelos membros do Corpo de Bombeiros Voluntários de Ibirama.

Durante as investigações, realizadas pelas delegacias de Polícia de Ascurra e Apiúna, com o auxílio do Instituto Geral de Perícia, apurou-se que a vítima possuía lesões que eram incompatíveis com afogamento e que, em tese, teriam sido praticadas antes de o seu corpo cair no Rio Itajaí-Açu.

Com base nas informações obtidas com os depoimentos de testemunhas e com os laudos periciais, o Ministério Público da Comarca de Ascurra denunciou o homem que foi preso hoje, pelo homicídio. O preso foi encaminhado para o Presídio Regional de Blumenau e permanece à disposição da Justiça.

Mapas DRPs page 0001

A Diretoria de Polícia do Interior (DPOI) possui a competência de atuar na região do interior do Estado de Santa Catarina, entre litoral e fronteira. A DPOI foi criada em outubro de 1998 e é subordinada à Delegacia Geral da Polícia Civil. O atual diretor de Polícia do Interior é o delegado de polícia Nilson Luis de Oliveira Cézar.

Trata-se da maior Diretoria de Polícia da Polícia Civil de Santa Catarina em número de municípios, totalizando 102 municípios. Com sede administrativa em Curitibanos, a DPOI coordena os trabalhos da Polícia Civil em 13 Delegacias Regionais de Polícia, sediadas nas cidades de: Rio do Sul, Lages, Joaçaba, Videira, Caçador, Ituporanga, São Joaquim, Curitibanos, Campos Novos, Canoinhas, Mafra, São Bento do Sul e Porto União.

As delegacias Regionais de Polícia do Interior:

07ª DRP de Rio do Sul: Composta pelos municípios de Rio do Sul, Agrolândia, Agronômica, Aurora, Braço do Trombudo, Dona Emma, Ibirama, José Boiteux, Laurentino, Lontras, Mirim Doce, Pouso Redondo, Presidente Getúlio, Presidente Nereu, Rio do Campo, Rio do Oeste, Santa Terezinha, Salete, Taió, Trombudo Central, Vitor Meirelles e Witmarsum.

08ª DRP de Lages: Composta pelos municípios de Lages, Abdon Batista, Alfredo Wagner, Anita Garibaldi, Bocaina do Sul, Bom Retiro, Campo Belo do Sul, Capão Alto, Celso Ramos, Cerro Negro, Correia Pinto, Otacílo Costa, Painel, Palmeira, Ponte Alta e São José do Cerrito.

09ª DRP de Mafra: Composta pelos municípios de Mafra, Itaiópolis, Monte Castelo e Papanduva.

10ª DRP de Caçador: Composta pelos municípios de Caçador, Calmon, Lebon Régis, Macieira, Rio das Antas, Santa Cecília e Timbó Grande.

11ª DRP de Joaçaba: Composta pelos municípios de Joaçaba, Água Doce, Capinzal, Catanduvas, Erval Velho, Herval d’Oeste, Ibicaré, Ipira, Jaborá, Lacerdópolis, Luzerna, Ouro, Piratuba, Treze Tílias e Vargem Bonita.

20ª DRP de Ituporanga: Composta pelos municípios de Ituporanga, Atalanta, Chapadão do Lageado, Imbuia, Leoberto Leal, Petrolândia e Vidal Ramos.

21ª DRP – de São Bento do Sul: Composta pelos municípios de São Bento do Sul, Campo Alegre e Rio Negrinho.

22ª DRP de Canoinhas: Composta pelos municípios de Canoinhas, Bela Vista do Toldo, Major Vieira e Três Barras.

23ª DRP de Porto União: Composta pelos municípios de Porto União, Irineópolis e Matos Costa.

24ª DRP de Curitibanos: Composta pelos municípios de Curitibanos, Frei Rogério, Ponte Alta do Norte e São Cristóvão do Sul.

25ª DRP de Videira: Composta pelos municípios de Videira, Arroio Trinta, Fraiburgo, Ibiam, Iomerê, Monte Carlo, Pinheiro Preto, Salto Veloso e Tangará.

26ª DRP de Campos Novos: Composta pelos municípios de Campos Novos, Brunópolis, Vargem e Zortéa.

27ª DRP de São Joaquim: Composta pelos municípios de São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Rio Rufino, Urubici e Urupema.

A sede da DPOI fica na Avenida Duque de Caxias, 218, bairro Nossa Senhora Aparecida - Curitibanos –SC. CEP: 89520-000. Email: dpoi@pc.sc.gov.br

banner1

Uma ação conjunta na tarde desta segunda-feira (29) resultou na prisão de mais dois suspeitos do assassinato de um adolescente de 14 anos, crime ocorrido em São Domingos na tarde de quinta-feira (25). Foi preso um homem de 25 anos e apreendido um adolescente de 16 anos, em Nova Bassano, no Rio Grande do Sul.

A ação foi realizada pela Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal de Fronteira (DIC-Fron/PCSC) de São Lourenço do Oeste, o GAECO (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) de São Miguel do Oeste, Brigada Militar do Rio Grande do Sul e a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O homicídio aconteceu no bairro Santo Antônio após a vítima ter sido atraída até o local dos fatos e traída mediante utilização de recurso que impossibilitou sua defesa. A vítima foi retirada do interior do veículo no qual seguia junto com os suspeitos e morta a tiros.

As investigações começaram no mesmo dia com a prisão em flagrante de um homem de 21 anos e a apreensão, também em situação flagrancial, de um adolescente de 14 anos. Também foram apreendidos um revólver calibre .38 SPL e munições, que, de acordo com um dos suspeitos, teria sido uma das armas usadas na execução da vítima. As investigações prosseguem sob a coordenação da DPCo-Fron de São Domingos.